Casos de Sucesso – Instituto Igarapé.

Nos sentimos honrados por participar do relatório anual deste instituto pelo segundo ano consecutivo. Por isso nossos parabéns.

Para maiores informações deste renomado centro de pesquisa de impacto mundial convidamos você internauta a navegar no link https://igarape.org.br/sobre/sobre-o-igarape/

Sobre o Igarapé
O Instituto Igarapé é um think and do tank independente, dedicado à integração das agendas da segurança, justiça e do desenvolvimento. Seu objetivo é propor soluções inovadoras a desafios sociais complexos, por meio de pesquisas, novas tecnologias, influência em políticas públicas e articulação.

O Instituto atualmente trabalha com cinco macrotemas:

  1. Política sobre drogas nacional e global;
  2. Segurança cidadã;
  3. Consolidação da paz;
  4. Cidades seguras; e
  5. Segurança cibernética.

Somos uma instituição sem fins lucrativos, independente e apartidária, com sede no Rio de Janeiro, mas cuja atuação transcende fronteiras locais, nacionais e regionais. Fundamentalmente, o Instituto Igarapé está conectado a um amplo ecossistema de organizações e agências do Brasil e do mundo todo.

A palavra Igarapé, em Tupi, significa “caminho da canoa”. Os Igarapés são pequenos rios ou canais, muito comuns na Amazônia, essenciais para a comunicação entre os povos e responsáveis por conectar grandes rios.

A missão do Instituto Igarapé é servir como um canal que facilite a integração das agendas de Segurança e Desenvolvimento e, ao mesmo tempo, atuar como uma ponte de diálogo entre os tomadores de decisão e os movimentos sociais, e entre as esferas global e local.

O Instituto Igarapé tem sede no Rio de Janeiro, com representação em Bogotá, Cidade do México e outras partes do mundo.

Temos parcerias e projetos em mais de 20 países, incluindo Argentina, Bolívia, Canadá, Colômbia, Egito, El Salvador, Guatemala, Haiti, Índia, Quênia, México, Noruega, África do Sul, Suíça, Reino Unido, Estados Unidos e Venezuela.

O Instituto é apoiado pelos governos do Canadá, Reino Unido, Noruega, pela Fundação Open Society, Fundação Bernard van Leer, International Development Research Centre (IDRC), Nações Unidas e doadores privados.

Sobre o Igarapé

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *